Meio milhão de eleitores votou na extrema-direita nas últimas presidenciais. Por isso, fomos falar com o investigador de Estudos Urbanos e reconhecido activista de Lisboa para perceber o que se passa e esboçar caminhos de resistência para a democracia.

Com o mundo de joelhos em memória de George Floyd Jr. e todos aqueles a quem a vida foi roubada pelo racismo e discriminação sistémicos, a única certeza é a de que todos temos de fazer mais e melhor. Este é o momento de reflectir, escutar, aprender e agir em apoio às comunidades negras – em Portugal e no mundo.